sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

PERDA


PERDA

- A solidão quanto é...
Sofrida, vivida, sentida
Por nós próprios permite
Que toda a roupa que seja
- Engomada por nós esteja
Vazia do nada ela apodera-se
- Do coração da nossa alma
A solidão acompanha-nos
- Na vida ela é muda, surda, cega
Em forma de roupa suja de cor
- Mas trás um vestido negro de cetim.

Isabel Morais Ribeiro Fonseca


sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

FRASES-BEIJO


Ainda sinto o calor
 
Do teu abraço, do teu corpo
 
Do teu aconchego, do teu carinho.

Isabel Morais Ribeiro Fonseca




Deixas um beijo quente

 - Molhado na minha boca 

Com lindas palavras sussurradas

 - Nos meus ouvidos.

Isabel Morais Ribeiro Fonseca






sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

FRASE-MULHER

Uma mulher...
 
Deve ter a fragrância perfumada
 
Não deve cheirar a álcool, ou ainda a tabaco.
 
Isabel Morais Ribeiro Fonseca